Como Desenvolver Bons Líderes




Como Desenvolver Bons Líderes

Por Armando Ribeiro
O desenvolvimento das lideranças nas organizações tem gerado polêmica, dúvidas e diversos questionamentos nestes últimos tempos.

A maior quantidade de dúvidas relaciona-se às questões ligadas à perenidade e à resistência das organizações em investir. Muitas das vezes, não conseguem verificar resultados práticos e palpáveis no decorrer do processo. O empresário, a organização e seus executivos querem ter a certeza de que cada centavo aplicado no programa será revertido em lucro.

Algumas questões relacionam-se com as desistências ou paradas no programa. “Já começamos uma vez e tivemos que parar, agora... fica difícil recomeçar do ponto onde paramos”. “Os gerentes começaram, mas acharam um porre ficar sentados numa sala de aulas durante uma semana, e ...nada de concreto. Eles desistiram”.

Trabalhei por quase 10 anos na área de Desenvolvimento e Treinamento. Tive a oportunidade de participar de dezenas de cursos, com diferentes consultores. Conheci diversas metodologias e ferramentas. Ministrei na organização cursos de treinamento gerencial. Além disso, no final da minha carreira, como profissional assalariado, passei a exercer simultaneamente a coordenação do planejamento estratégico e o desenvolvimento de seres humanos.

Resumindo, passei pela experiência de ser treinando, facilitador e coordenador do treinamento.

Descobri, que são poucas as organizações que tem um programa sistemático e permanente de desenvolvimento de líderes. A esmagadora maioria oferece, vez ou outra, cursos especiais, para atender alguma necessidade específica, ou é seduzida pela moda de um determinado tipo de evento. Faltam a elas foco, direção e sentido para o desenvolvimento dos seus líderes. Em outras palavras faltam respostas para a questão: Que objetivos e resultados pretendemos atingir ao proporcionar desenvolvimento aos nossos líderes?

A experiência e as observações de outros analistas, clientes e consultores durante estes anos, mostraram que, diversas explicações para os resultados inadequados podem ser dadas, mas um fato é comum a todas – o sucesso de um programa de desenvolvimento está intimamente vinculado ao, maior ou menor, comprometimento dos líderes participantes na sua elaboração.

Como consultor, refleti, pesquisei e elaborei o evento “Desenvolvendo Líderes”, pensando em cada uma das situações acima descritas.

Objetivamente o evento Desenvolvendo Líderes foi idealizado procurando atender prioritariamente as seguintes questões:
- Quais são os objetivos do programa?
- Quais os resultados que se pretende alcançar?
- Por que os líderes têm dificuldade em se comprometer com o programa?
- Por que muitos eventos realizados têm avaliação tão boa e os conhecimentos não são aplicados?
- Que poderes os líderes exercem e porque os exercem?
- O que impede uma participação maior da alta direção da organização?
- Qual metodologia deve ser utilizada?

Foram consideradas, também, outras informações, não menos importantes. Uma delas diz respeito à insatisfação dos líderes que ao chegarem em um evento são rotulados: você é... , ou é... . Quando esses rótulos são positivos os líderes podem tender a continuar fazendo sempre as mesmas coisas, não avaliam a necessidade de mudança, não há reflexão. Quando negativos, ativam imediatamente sua defesas pessoais, ao invés de considerar outras possibilidades de agir.

Um alerta sempre está norteando minhas ações: por mais que eu tenha a experiência de treinando, treinador, coordenador, líder e consultor, não existe fórmula mágica, nem receita de bolo para ser aplicada. Cada organização é única.

Os líderes precisam saber reconhecer seus principais atributos e características. Portanto os testes e dinâmicas desenvolvidos ou especialmente adaptados para cada caso são efetuados e tabulados pelos próprios participantes durante o evento.

Diversos subprodutos são elaborados. Dois deles merecem destaque:
- cada participante recebe, após o evento, um relatório que indica suas tendências comparadas à média (moda) do grupo e da organização.
- a organização recebe um levantamento das necessidades de desenvolvimento individual e do grupo de líderes, que objetiva a realização dos eventos futuros.

É sempre bom lembrar: Os líderes são avaliados pelos resultados que obtém em seu trabalho, pela qualidade do seu relacionamento interpessoal e pela capacidade de estarem sempre aprendendo. O exercício da liderança exige, também, uma constante busca de auto conhecimento e de auto desenvolvimento.

A partir dos resultados obtidos com o evento Desenvolvendo Líderes é possível elaborar um programa de desenvolvimento voltado para as reais necessidades dos líderes e objetivos da organização.
http://www.portalcmc.com.br/
fonte/


Livros - Submarino.com.br



O portal oferece um vasto material para estudos e seminários, Assine e fique informado!!!

Receba artigos por E-mail:




Você gostou deste artigo? Compartilhe:
TwitterDeliciousFacebookDiggStumbleuponFavoritesMore

0 comentários: